sexta-feira, novembro 10, 2006

O Vasco e a Cristina...

...gostam de usar e de abusar de cogumelos nas receitas que apresentam no módulo Hoje Cozinho Eu! Para quem não compra cogumelos no Pingo Doce ou no Feira Nova e decide ir buscá-los à natureza, aqui fica o guia dos cogumelos que não devem ser colhidos e muito menos comidos.

As palavras-chave

ALINHAVO Acto ou efeito de alinhavar; costura provisória a ponto largo para guiar a costura definitiva.

A Moda Lisboa explica o significado das palavras, tendências e nomes importantes do mundo dos trapos e companhia.

Abraços grátis

quinta-feira, novembro 09, 2006

Mais um link para aqui

No Diário do Minho diz-se que...

quarta-feira, novembro 08, 2006

Ele há coisas fantásticas, não há?


Abriram as inscrições para a 2ª edição dos/as Donos/as de Casa através do telefone 253.618234.

Donos/as de Casa (continuam) Desesperados/as

Esta é já a segunda edição do curso Donos/as de Casa. A primeira edição ajudou um grupo de 12 formandos a descobrir que culinária, costura, danças latinas e africanas estão ao alcance de qualquer um. Foram ainda apresentadas as estratégias para vestir em função do corpo de cada um e da situação. Apesar de seguir a mesma fórmula, a segunda edição do curso Donos/as de Casa vai estrear os módulos "Há bons vinhos no Lidl?" e "60 minutos com Paula Bobone", que irão ajudar a escolher o vinho indicado para cada momento e regras básicas de protocolo para ambiente doméstico. Tudo isto em 13 horas, dá para acreditar?

Módulos: "Hoje cozinho eu!" (culinária),
"Há bons vinhos no Lidl?"(vinhos),
"Já sei enfiar uma agulha!" (costura),
"What (not) to wear"(roupa),
"A menina dança?"(danças latinas e africanas) e
"60 minutos com Paula Bobone" (protocolo)

sábado, outubro 28, 2006

A primeira edição...


... dos Donos de Casa Desesperados começou hoje com um grupo de 12 pessoas bem animadas. Hoje foi um dia dominado pela cozinha. Na próxima sexta é a vez das danças latinas e africanas (21h às 24h), com a Carla aos comandos. No dia seguinte, sábado, será ocupado pelos botões e bainhas da Cristina e os mandamentos do bom gosto para o vestuário a cargo do Vasco e da Carla.

quarta-feira, outubro 25, 2006

Últimas inscrições...

Prova Oral

Passamos pelos estúdios de Lisboa e Porto da Antena 3 para explicar melhor o conceito do Donos de Casa Desesperados. Abraços ao Alvim, à Marta e à Xana!
E já que estamos no meio rádio. Obrigado à Antena Minho e à RUM pelas referências aos Donos de Casa.

domingo, outubro 15, 2006

O curso chegou à Visão

sexta-feira, outubro 13, 2006

Obrigado...

Donos de Casa Desesperados (o curso)

O que fazem centenas...


...de solteiros num barco que dá uma volta pelo Mediterrâneo? O relato, publicado no El Mundo, é hilariante.

quarta-feira, outubro 11, 2006

E como calçar uns collants?

A Moda Lisboa explica...

1. Sente-se. Enrole bem os collants nas mãos, até à ponta. Ajuste sobre cada pé e vá soltando e esticando firmemente.
2. Suavemente, estique bem a meia até ao joelho. Faça-o devagar, soltando das mãos o tecido da meia e ao mesmo tempo esticando-o sobre cada perna, até acima dos joelhos.
3. Levante-se. Com as duas mãos, vá soltando e ao mesmo tempo esticando a meia acima do joelho, até à anca.
4. Puxe agora a parte dos collants da anca até à cintura. Ajuste bem e sinta o seu conforto.

Como dar um nó de gravata?


A poucas horas de levantar a minha acreditação para a Moda Lisboa, não resisto a mostrar alguns truques de moda que o site apresenta. Este é bem útil...

segunda-feira, outubro 09, 2006

Donos de Casa no JN

Curso ensina competências básicas de gestão doméstica

"Acordei. Já passam dez minutos da hora. O banho vai ser mesmo para acordar porque acabou o gás. Não tenho meias lavadas e a roupa acumula-se em pilhas de perigoso equilíbrio aguardando um ferro de passar. Vou chegar tarde ao trabalho outra vez! E, como se não bastasse, logo tenho um jantar, não há nada na despensa e já da última vez servi pizza!"

Esta é uma situação usual, com a qual nos deparamos todos, quer vivamos sós ou não. Para responder a estes e outros problemas quatro pessoas decidiram avançar com o curso "Donos de casa desesperados", onde serão transmitidas noções de cozinha, organização doméstica, roupa e dança. O curso irá decorrer em Braga, nos dias 28 de Outubro e 3 e 4 de Novembro nas instalações da Associação Velha-a-Branca.

"A ideia nasceu do facto de acharmos que há uma série de competências básicas, simples que as pessoas têm dificuldade em realizar. Pretendemos ajudar as pessoas a serem autónomas no seu dia-a-dia", destaca Cristina Andrade, uma das mentoras e formadora do curso.

A ideia partiu de conceitos mais transversais que a própria condição de solteiro. De resto, Cristina enquadra a acção na mudança social dos últimos anos. "Existe uma série de afazeres na gestão doméstica que eram de passagem familiar, para a filha, mas que agora é extensível aos dois", sublinha, alertando para o facto de serem cada vez mais as pessoas que vivem sozinhas.

O curso visa tornar eficaz a gestão diária da casa e da pessoa. Com um número-limite de 14 formandos, a organização dispensa particular interesse na socialização que decorrerá da interacção dos participantes. "Não queremos que ali se forme um grupo de amigos, mas no relacionamento queremos que sejam transmitidas experiências de vida, para que todos possam lucrar", avança Cristina Andrade. Além desta psicóloga, a equipa de formação conta com Rui Marques, licenciado em Comunicação Social, Carla Costa, licenciada em RIEP e Vasco Peixoto, formado em Economia.

O curso está divido em quatro módulos "Espelho meu", "Hoje cozinho eu!", "Já sei enfiar uma agulha!", "What (not) to wear" e "A menina dança?".

in Jornal de Notícias, 9 Outubro 2006

quinta-feira, setembro 28, 2006

Ooops!

Quem somos nós?

... que é como quem diz, quem são os formadores?

Carla Costa

Licenciada em RIEP, vive uma luta diária com o seu cabelo. Ela acha que ele nunca está bem (o cabelo!!!), mas é mentira. Gosta de branco, do pôr-do-sol em Caminha, de dançar.. Gosta do Populum (ninguém é perfeito), de sair com os amigos, de churrascos, de ar livre, de dormir. Gosta de comédias românticas e do Benfica. 29 anos.

Cristina Andrade

Psicóloga de formação e formadora de profissão não podia ser uma pessoa mais diferente... Vive para viajar, para ir a concertos e a manifestações culturais de qualquer espécie. Gosta de cogumelos desidratados e faz, muitas vezes, a sua própria roupa. Gosta de mini-saias, do festival de Curtas de Vila do Conde, de outros festivais, de cigarros de enrolar, de café de saco e de sacos com banda desenhada. 29 anos.

Rui Marques

Licenciado em Comunicação Social. É oficial, trocou Braga por Lisboa. Gosta de fotografia e de gravatas da Carolina Herrera. Vai a Cannes e a todo o lado mais vezes que a Braga. Viveu em Barcelona mas não conhece as Ramblas. Foi eleito anos a fio "a pessoa que de quem eu não quero receber o presente em jantares de Natal". 28 anos.

Vasco Peixoto

Vive à noite. Formado em Economia, coloca em prática a teoria aprendida na sua loja Trapos na Tela, onde também desenha modelos. Os amigos adoram quando é ele a cozinhar. Ele também. Professor de aeróbica e step há mais de 10 anos. Depois da actividade como comercial, ainda arranja tempo para o karaoke. 28 anos

Donos de Casa Desesperados (o curso)

“Acordei. Já passam dez minutos da hora. O banho vai ser mesmo para acordar porque acabou o gás. Não tenho meias lavadas e a roupa acumula-se em pilhas de perigoso equilíbrio aguardando um ferro de passar. Vou chegar tarde ao trabalho outra vez! E, como se não bastasse, logo tenho um jantar, não há nada na despensa e já da última vez servi pizza!”

É para dar resposta às preocupações de todos os que se revêem neste texto que quatro pessoas, que têm as suas vidas e empregos, decidiram organizar um curso num ambiente descontraído, para partilhar uma série de conhecimentos e competências que foram adquirindo ao longo da vida.

O curso está divido em quatro módulos: “Espelho Meu”, “Hoje cozinho eu!”, “Já sei enfiar uma agulha!”, “What (not) to wear” e “A menina dança?”, que irão abordar áreas como a culinária, costura, relacionamento interpessoal, danças latinas ou noções acerca do que vestir em função do seu corpo e da situação.

O curso irá decorrer em Braga, nos dias 28 de Outubro e 3 e 4 de Novembro nas instalações da Associação Velha-a-Branca.

INFORMAÇÃO ADICIONAL

Duração: 13 horas

Horário: 28 de Outubro e 4 de Novembro (sábado), das 15h às 20h. 3 de Novembro (sexta-feira), das 21h às 24h

Preço: 50 euros. Redução de 20% para amigos da Velha-a-Branca

Inscrição:
Velha-a-Branca - Estaleiro Cultural
Largo da Senhora-a-Branca, 23 Braga
tel. 253 618 234
mail: info@velha-a-branca.net

Formadores: Carla Costa, Cristina Andrade, Rui Marques e Vasco Peixoto

Contactos para mais informações: Cristina Andrade 962303957

quinta-feira, agosto 24, 2006

Qual dos dois o pior?

segunda-feira, agosto 21, 2006

A informação que faltava!

Como tirar nódoas.

Mais um...

Casamento é onde se faz menos sexo

Está deprimido/a?

Um speed dating já!

Em Lisboa, uma empresa chamada Big Eventos está a fazer do speed dating um negócio. Os encontros já começaram. Percebe como funciona um speed dating aqui.

Que tipo de solteiro és tu?

Solteiros por opção própria?
Solteiros por opção dos outros?
Solteiros por decepção?
Solteiros por assuntos mal resolvidos?
Solteiros por falta de opção?
Solteiros inconscientes?
Solteiros por falta de tempo?
Solteiros de radar?

Um jornal brasileiro dá a resposta, aqui

Só no Brasil...

terça-feira, julho 25, 2006

Eles

sexta-feira, julho 21, 2006

Mas o que é que os solteiros fazem nas férias?

A resposta está aqui.

terça-feira, julho 18, 2006

Houston Street in New York

segunda-feira, julho 17, 2006

Os solteiros...

... são os cultos. (pelo menos, em termos de cultura financeira)

quarta-feira, junho 14, 2006

Olhos de solteiro... e de casado

OK! O site é da Volkswagen Brasil e, para variar, serve para promover um modelo da marca. Mas através do jogo que propõe, mostra como é diferente o mundo, consoante é visto com os olhos de solteiro ou de casado. Está aqui.

Mulher, casada, 40 anos e com curso superior

Há exatamente 20 anos, em junho de 1986, a revista americana Newsweek publicou uma matéria de capa bombástica. Ela dizia que as mulheres de 40 anos de idade, brancas, solteiras e com ensino superior, tinham mais chance de serem mortas por um terrorista do que de achar um marido. A revista foi além - disse ainda que mulheres com 35 anos tinham apenas 5% de probabilidade de casar.

Agora, 20 anos depois, a Newsweek refez as contas e anunciou que estava errada. As chances que uma mulher de 40 anos tem de se casar seriam, na verdade, superiores a 40%. Mas o estrago já foi feito. Toda uma geraçao cresceu a sombra do mito de que mulheres maduras estavam condenadas a nunca mais encontrar um parceiro, por culpa da preferência dos homens pelas ninfetas, da dificuldade que nós, rapazes, teríamos em lidar com o sucesso profissional delas e ainda pela delicada questao do relógio biológico, que dificulta a maternidade após determinada idade. (continua...)

Anel para solteiros



Precisarão os solteiros deste país de um anel? O projecto Single Ringen acredita que sim.